fbpx

@tonykarlos – tudo que comunica eu faço.

Como criar o visual de um ebook – o guia completo

Existem 2 jeitos de fazer um ebook – o seu e o mais prático.

Como eu não conheço o seu, fica a sugestão de aprender o mais prático.

Assim você junta os dois e, enquanto não pode / quer / precisa pagar para um profissional te ajudar, vai se virando e construindo o resultado que quiser e precisa para o seu plano sair do papel e o seu produto ou serviço prosperar.

Tanto faz se no canva ou nos programas que tem no computador, você pode e deve caprichar.

Como criar o visual de um ebook: recursos

imagens: // pixabay // pexels // visual hunt // freepik
ícones: // flaticon // iconfinder
ideias de visuais: // pinterest // slidesgo
fontes: // google fonts // dafont // fontsquirrel
ideias de cores: // colorwise // adobe color // colorhunt

Pensando o formato de um ebook do jeito certo

Vai usar só no digital?

Então é 1920 x 1080 px [paisagem] para conteúdos mistos [equilíbrio entre fotos e textos], ou 1080 x 1920 [retrato] para conteúdos com mais texto. É o tamanho médio das telas de celular.

Pretende imprmir?

Escolha o tradicional: página A4, valendo a mesma regra de conteúdo para a posição da folha.

Em qual programa criar?

Recomendo fazer a capa e um padrão para o fundo das páginas no Canva e/ou em um programa de «criação» que você domine. A diagramação do texto em programas como Word e Google Documentos.

Criando o seu ebook com um layout bacana

E como deixa esse layout bonito? Pense nas margens:
// digital: 100 px nas laterais, 130px no topo e rodapé;
// impresso: 3cm nas laterais, 2,6cm no topo e no rodapé;

Para o conteúdo:
// digital: títulos com 72 a 84 pt, altura de linha 1,3; corpo de texto entre 28 e 36 pt, altura de linha de 1,5;

// impresso: títulos com 28 a 42 pt, altura de linha 1,3; corpo de texto entre 16 e 24 pt, altura de linha de 1,5;

// espaço duplo entre cada parágrafo. E se optou por uso na posição paisagem, considere ter 2 colunas de texto.

Para deixar o layout caprichado:

Cores: até 04, seguindo esse critério de:
// uma cor com 2 tonalidades, para destaques e títulos;
// texto em cinza escuro e/ou na tonalidade mais escura da cor dos destaques/títulos;
// uma cor de contraste, que pode estar no fundo padrão.

Interatividade: utilize os recursos de sumário, numeração de página e links do seu editor de texto, para explorar oportunidades como link das suas mídias sociais e/ou para outros conteúdos que você já criou.

O conteúdo de um ebook cresce com as combinações equilibradas.

Quais fontes utilizar para criar um ebook? Experimente duas combinações:

// usar uma família de letras só, mas que tenha diferença de «peso», como extralight, light, regular, bold e extrabold/black.
Faça os títulos com as fontes extrabold/black ou extralight, e o texto com a fonte regular.

// utilizar uma fonte com «perninhas» [nome técnico -serifadas: times, book antiqua, georgia, etc.] para os títulos, e outra regular [nome técnico – sans-serif: arial, verdana, helvetica, segoe, etc.] para o texto.

Para fotos e ícones?
Escolha um padrão [p.ex: cantos retos, ou 100% redondo] e siga em todo o conteúdo. O mesmo vale para listas e numerações.

Para fechar o visual de um ebook, padrão e atenção.

Atenção para a escrita: não precisa ser o melhor português do mundo, mas é melhor quando está bem escrito e minimamente revisado: sem erros ortográficos e de conteúdo. E se você conseguir traduzir a sua voz nesse formato, melhor ainda!

Padrão é lindo!

Lembre-se de formatar o texto inteiro com o mesmo padrão. Em ebooks retrato, o texto alinhado à esquerda fica mais bacana. Em ebooks paisagem, justificado é tão bom quanto à esquerda.

Criar o visual de um ebook é fácil, mas tudo que comunica exige esforço.

Tudo que comunica exige esforço, não tem atalho.

Um visual com o mínimo de cuidado é a diferença entre ter apenas mais um conteúdo e já ter um produto que compra a atenção de quem você quer por perto.

Subir o nível de um ebook é mais simples do que parece. Só precisa o capricho de quem não quer ser mais do mesmo.

O que mais você quer aprender sobre layout? Fica à vontade para comentar aqui ou lá no instagram – @tonykarlos