Sua empresa é o que vende ou como faz para vender? (a diferença entre Preço x Valor)

Direto e reto: é facil confundir preço com valor.

No dialeto, geralmente usamos as palavras para dizer a mesma coisa [quanto preciso pagar por isto].

Mas, vamos colocar sob uma perspectiva mais humana: quanto custa 1 hora do seu tempo? quanto você gostaria que pagassem por ele [e o que você faz para que as pessoas paguem o que você quer]?

Pegou a diferença? Não? Tranquilo, siga comigo pelos parágrafos abaixo.

Preço x Valor

Tudo que você faz para colocar uma empresa / marca / produto / serviço “no ar” à disposição do público tem um custo. Custo é preço. 

Mas, é claro que você não vai vender algo que você faz pela mesma quantificação que utilizou para criar isto [nem mesmo no trabalho voluntário isto é feito].

Você colocará um preço que permita cobrir as despesas e te gere lucro. Contudo, se você:

não mostra este produto / serviço ao público adequado;

não o veste numa roupagem que converse com o público que vai desejá-lo;

e ele não tem uma promessa a cumprir [ou é exatamente a mesma que outras marcas entregam]…

… como você vai ter valor naquilo que está fazendo? Valor é entrega, quase simples assim.

 

O mesmo vale para o meu trabalho: quantas empresas que prestam serviço de comunicação, e profissionais autônomos que vendem e divulgam as mesmas coisas que eu faço? Inúmeras. Quantas vão trabalhar entregar a você branding, comunicação e design por um valor adequado as suas necessidades, focadas em prosperar contigo? Só eu, te garanto.

 

Se vale para mim, quanto vale [é isso mesmo, vale!] para você?

Tenho certeza que você procura [tanto para consumo proprio quanto para as necessidades comerciais] por produtos e serviços que tenham o mínimo de preço [custo] e que entreguem o máximo da proposta que disseram possuir [valor], correto?

Quanto mais satisfeito você fica, maior o valor que você enxerga naquele produto ou serviço.

Os clientes do seu produto ou serviço querem exatemente a mesma coisa e pensam exatamente da mesma forma! Só que você não vai conquistar o “posto perfeito” de vender com um valor reconhecidamente excelente se não conseguir fazer este valor ser percebido.

E você também não vai conseguir construir esta percepção de valor querendo abraçar o mundo.

Você entregaria uma criança para ter sua gripe curada numa marcenaria? Vai comprar pão numa clínica para reabilitados?

Acredito que não, e o mesmo vale para a gestão do sucesso da sua empresa, marca, produto ou serviço: você pode e deve ser o especialista naquilo que faz, e que fará sua empresa existir com propósito.

É isso que vai garantir o seu sucesso. Encontrar os parceiros adequados para fazer você trabalhar só no que é especialista, te deixará mais perto de construir valor suficiente para o sucesso pessoal e financeiro!

 

Sua empresa é o que vende, ou como faz para vender? Os dois!

O que ela vende, permitirá a construção de um preço coerente com a realidade das escolhas que fez. Como ela faz para vender é a construção de valor que moldará sua prosperidade.

 

Esteja mais próximo de prosperar com estas três dicas:

[1] Tenha um produto ou serviço que seja muito claro em atender uma necessidade de um público que você tenha determinado (persona ou comprador ideal, público-alvo);

[2] “vista” este produto de uma forma que ele seja desejável para atender aquela necessidade deste grupo de pessoas;

[3] Posicione e venda este produto dentro de um ambiente / cenário onde a demanda do seu público seja satisfeita;

 

Por fim, lembre-se: especialistas juntos, fazem muito mais. Vamos construir preço e valor juntos?

Você, como especialista no que a sua empresa / marca / produto / serviço faz. Eu, como especialista em tornar estes 4 itens numa marca viva, uma promessa clara, um produto e serviços imbatíveis para os clientes corretos. Conte comigo para construir valor para a sua prosperidade!

1 Comments